Bíblia Diária - Para uma leitura diária e frutuosa da Palavra de Deus!
Clique aqui para criar a sua área pessoal

Leitura do dia:
Romanos, Capítulo 6

Publicado em: 29/02/2012

A resposta de Paulo aos que indagam se podemos viver em pecado segue uma linha de raciocínio perfeita. Como continuar a pecar se já morremos para o pecado?

Através do batismo fomos sepultados, o nosso homem velho, o corpo corruptível, as tentações da carne e do espírito foram destruídas, morre o corpo governado pelo pecado. Então, não servimos mais ao pecado. Aquele que morreu está livre do pecado. (7)

O corpo que ressurge das águas agora não está mais sob o domínio da carne, mas sob o senhorio de Jesus. É um homem novo, submerso ao pecado e renascido para a vida eterna. A morte não tem mais poder sobre o homem, pois aquele que morreu, morreu para o pecado, uma vez por todas, e aquele que vive, vive para Deus. (11)

Sabemos, no entanto, que a luta contra o pecado é uma batalha diária, uma luta que sozinhos somos incapazes de vencer. O pecado é um tirano cruel que sempre volta querendo mais. Somente na oração podemos buscar forças para reagir, pois onde abunda o pecado superabunda a graça de Deus.

Nesta Quaresma, tempo propício à oração, jejum e penitência, peçamos ao Senhor que nos dê forças para servi-lo melhor e para que saibamos utilizar o livre arbítrio com sabedoria, como convém ao cristão.

Façamos o que o Senhor nos ordena: não ofereçais mais vossos membros ao pecado como armas de injustiça. Oferecei-vos a Deus como pessoas que passaram da morte à vida. (13) Agora, libertos do pecado, produzis frutos para a vossa santificação, tendo como meta a vida eterna. (22)

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Romanos, Capítulo 5

Publicado em: 28/02/2012

Este capítulo exalta o amor desinteressado de Jesus Cristo que morreu por nós quando ainda éramos fracos, injustos, pecadores.

Ao reconhecermos pelo toque do Espírito Santo, que Deus nos ama, brota em nós a esperança que sustenta nossa fé.

As tribulações são superadas pela garantia do projeto que mudará o rumo da história.

Sabemos que sofrendo adquirimos resistência, resistindo nos aprovam, aprovados esperamos (v. 3-4).

Esta esperança se torna segura, pois Aquele que ama tanto assim não pode frustrar-nos.

Adão e Cristo, personagens contrastantes entre si, são apresentados para reforçar a ideia de que o gesto de Jesus revela a graça que supera o regime da escravidão e da morte.

Cada um de nós traz Adão em sua carne, contudo, a vida nova que é garantida na morte e ressurreição de Jesus faz de nós gente nova.

 
A Lei, em sua função de “dar plena consciência da falta”, não tem a capacidade de justificar.
Jesus Cristo, com sua obediência, conquistou de forma definitiva a sentença que concede a vida. Por Ele, nos tornamos justos diante de Deus. Esta justiça gratuita acende a chama da esperança que proporciona a paz.
 
Confiantes, esperemos a glória de Deus!

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Romanos, Capítulo 4

Publicado em: 27/02/2012

Na carta aos Romanos, São Paulo deseja mostrar que receber um salário por uma determinada obra é devido, mas receber algo sem nenhum mérito é um presente.

Não é por causa da Lei, mas sim, por causa da justiça que vem pela fé, que Deus prometeu a Abraão e à sua descendência a herança do mundo (v.13).

A herança e o mérito de ser chamando Filho de Deus poderiam ficar somente com Abraão e a sua descendência, mas por causa da benevolência e da graça de Deus, nós também somos convidados a viver essa realidade mediante a nossa fé.

“É pela graça que fostes salvos, mediante a fé. E isso não vem de vós: é dom de Deus! (Ef. 2,8)

“A fé é a certeza daquilo que ainda se espera, a demonstração de realidades que não se vêem.” (Hb. 11,1).

Que a perseverança na leitura da Bíblia Diária nos faça ver essas realidades e enxergar as promessas de Deus.

Senhor eu creio, mas aumentai a minha fé.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Romanos, Capítulo 2

Publicado em: 25/02/2012

“Não é verdadeiro judeu, o que parece tal apenas pelo exterior, nem é verdadeira circuncisão uma simples incisão na carne. Verdadeiro judeu é o que se distingue como judeu por seu interior e verdadeira circuncisão é a do coração, segundo o espírito e não segundo a letra. Esta é que recebe o louvor, não dos homens, mas de Deus”. (versículos 28 e 29)

O que temos em nosso coração é o que transparecemos em nossas atitudes? Como diz nos dois versículos acima, o que vale é o que esta no meu coração, o que vale é o que Deus vê e não o que os homens vêem. O que conta não é a nossa aparência, o que falamos, mas sim o que somente Deus conhece. O que esta em nosso interior.

Deus não faz acepção de pessoas (versículo 11), mas sim Ele quer todos perto, por isso enviou Jesus para a Salvação de todos, não somente um povo, mas todos os povos da terra! Nós escolhemos pessoas, Deus não. Exigimos que as pessoas sigam a lei, mas e nós, seguimos? Muitos levam a lei ao pé da letra, mas nunca devemos esquecer que a lei existe sim, mas o amor, o amor que é a Deus, supera a lei, supera qualquer julgamento humano.

Façamos a experiência de pensar no que falamos aos outros, quem julgamos, os momentos que não somos canais de Deus, peçamos juntos perdão ao Senhor e força para lutar contra este mal em nossas vidas.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Romanos, Capítulo 3

Publicado em: 25/02/2012

Neste capítulo, Paulo nos mostra que todos estão sob o pecado, mas, o que realmente justifica a pessoa é a Promessa de Deus aceita na fé, a exemplo de Abraão.

A explicação de Paulo é clara: somos pecadores, mas, Deus é um só e promete a salvação a todos, sem qualquer distinção.  O mais fascinante do amor do Pai por nós é que a salvação é dada aos seus filhos sem qualquer cobrança, é dada “de graça” e “pela graça” de Deus, em razão da redenção de Cristo.

Enquanto nós procuramos justificar as nossas vidas por coisas do mundo, comprando, adquirindo e tendo coisas, para Deus o que importa é que, por mais limitada que seja a nossa vida, por piores que sejam nossas escolhas, a nossa vida tem valor para o Pai se estivermos em harmonia com seu Filho.

Assim, da leitura de hoje concluímos que Jesus é o ponto de referência de Deus em nossa vida, e somente acolhendo-O em nossos corações é que estabelecemos a harmonia com Deus; que a salvação de Deus é um presente Dele para nós; que a justiça de Deus Pai ao julgar nossos pecados não é fiscalizadora, mas, sim no intuito de fazer de nós novas criaturas; e por fim, que toda pessoa que adota o caminho de Cristo é salvo pela fé.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Romanos, Capítulo 1

Publicado em: 24/02/2012

Ao começar a carta aos Romanos, vemos o porquê desta epístolas ser considerada uma das principais obras do apóstolo Paulo.

Este primeiro capítulo nos revela a culpa do homem, manifestada através do pecado contra Deus e contra o próximo.

Para explicar sua teologia sobre o pecado, São Paulo usa a comparação com o processo civil para mostrar a culpa do homem:
- Primeira fase (vers. 19 e 20): o homem conhece a Deus (sem a revelação), mas não o reconhece como é devido;
- Segunda fase (vers. 24 a 28): como castigo, Deus abandona o homem a suas paixões;
- Terceira fase (vers. 29 a 31): como consequência, o homem adquire uma série de vícios;
- Resultado (vers. 32): como o homem não pode alegar ignorância, é réu de morte.

Com essa leitura, podemos constatar que Deus é incompatível com o pecado e abomina as práticas degradantes e contrárias à natureza.

É difícil aceitar? São Paulo responde, mostrando seu comportamento como modelo: “Eu não me envergonho do evangelho, pois ele é a força salvadora de Deus para todo aquele que crê, primeiro para o judeu, mas também para o grego.” (vers. 16).

O que devemos fazer então para alcançar a salvação? Mais uma vez, São Paulo nos responde: “O justo viverá pela fé.” (vers. 17).

Se somos culpados e condenados à morte pelos nossos pecados, pela fé em Jesus Cristo conseguimos alcançar o perdão de Deus.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 28

Publicado em: 23/02/2012

No último capítulo do livro dos Atos dos Apóstolos, Paulo chega a seu destino, a cidade de Roma. Ali ele iria terminar sua missão: testemunhar sobre todas as coisas que Jesus fez e ensinou.

Durante toda sua peregrinação, Paulo testemunha Jesus com sua vida. Muitos acreditam em sua pregação, mas ainda assim, muitos duvidam. Por esse motivo, ele diz que a palavra é para aqueles que escutam.

Isso nos faz lembra que existem muitos que querem e precisam escutar, mas não encontram uma voz que fala; que tem sede e precisam beber, mas não encontram quem ofereça água. Cabe a cada um de nós, continuar a anunciar, pois sempre existirá alguém para escutar e beber da palavra de Deus.

Mesmo preso em Roma, Paulo anunciava a Jesus, pois sua alma estava liberta. Que assim como ele, nosso espírito seja livre e evangelizador, mesmo que possamos nos encontrar em prisões que tentam nos retirar a paz. O anúncio de Jesus liberta nosso coração e daqueles que escutam.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 27

Publicado em: 22/02/2012

O anjo me disse: “Não tenhas medo, Paulo. Deves comparecer diante de César, e Deus concede a ti a vida de todos os teus companheiros de viagem”. (24)

Os riscos e perigos, bem como os sofrimentos que Paulo haveria de passar pelo nome do Senhor (At 9,16) são em parte bem relatados neste capítulo. Preso e transportado de um lado para outro, Paulo sofre com os demais a fúria dos ventos que sacudia o navio com violência.

Muitos após vários dias e pela força dos ventos e das ondas perdem a esperança de salvação, mas Paulo encoraja a todos falando da mensagem que o anjo lhe trouxe. Deus não abandona Paulo, fala com ele pelo anjo,mostra o caminho e os conduz para um lugar seguro.

Paulo nos mostra hoje, pela reflexão deste capítulo, como é frutuosa a fé. Ela é que nos impulsiona para a missão e nos dá a certeza da proteção divina nos momentos mais difíceis de nossas vidas e de nossa missão. Deus não abandonou Paulo e não nos abandona hoje, pelo contrário, nos ilumina pelo Espírito e nos mostra o caminho a seguir até que cheguemos ao porto seguro de nossas vidas. “Assim todos chegaram à terra, são e salvos”. 44-b

Este capítulo leva-nos facilmente a refletir sobre nossa vida: a viagem, a tempestade, o naufrágio e salvação. Ao longo de nossa vida, desde nosso nascimento, as dificuldades e sofrimentos porque passamos, as vezes que caímos e a busca pela salvação. Deus nos conceda que passemos por tudo isso sem, no entanto perder nossa fé e nossa esperança, que possamos juntos (unidos) chegar ao nosso “destino” tendo a consciência de que a exemplo de Paulo, fomos nesta vida “sal e luz” na vida de todos.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 26

Publicado em: 21/02/2012

Paulo, grande missionário nunca perde a oportunidade de evangelizar. Até mesmo quando o rei Agripa lhe dá a oportunidade de falar em sua defesa pessoal, ele usa de seu precioso tempo para falar de Jesus a quem aprendeu a amar de coração.

Atualiza o rei e todos os presentes sobre os últimos acontecimentos e explica que pela firmeza do que acreditava ser o certo, e por ordens recebida de seus superiores, foi ferrenho perseguidor do movimento cristão que se alastrava as escondidas, depois da morte de Jesus na cruz.

Detalha que na viagemde ida a Damasco a fim de cumprir mais uma missão, ouviu a voz de Jesus e o reconhece como o seu Senhor. Uma grande luz o faz compreender a força deste chamado, e depois de ser batizado passa obedecer  apenas às ordens que vinham dos céus.

Quando Paulo fala da ressurreição dos mortos é fortemente repreendido, mas com sabedoria evoca a crença do rei nas profecias e na história de Moisés. Nada mais resta ao rei a não ser constatar a grande injustiça daquela prisão.

Senhor que tenhamos a certeza de que nosso Deus é a única verdade. Amém!

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 25

Publicado em: 20/02/2012

O Capítulo 25 do livro dos Atos dos Apóstolos se inicia com a transição do governo da província romana da Judéia,onde estava saindo o governador Félix e entrando no poder como seu sucessor Pórcio Festo.

Neste período de transição, Paulo continuou preso. Passado três dias de sua chegada à província Festo resolveu ir a Jerusalém se encontrar com os chefes dos sacerdotes. Estes por sua vez não perderam tempo em relatar todo o caso de Paulo e queriam de todas as formas que Paulo fosse condenado.

As acusações contra Paulo eram graves, mas os judeus não podiam provar nada do que alegavam. Paulo se defendeu dizendo que não cometeu falta alguma contra a Lei dos judeus, nem contra o Templo, nem contra César (8).

Assim, Festo também a pedido de Paulo resolveu enviaro caso para corte imperial em Roma, mas para isso ele precisava fundamentar bem o caso e relatar o que realmente estava acontecendo e qual seria o “crime” de Paulo.

Neste contexto Festo leva o caso até o rei Agripa que era um homem extremamente ligado às questões religiosas dos judeus e que com certeza o ajudaria a redigir um documento através do qual Paulo seria levado como prisioneiro à cidade de Roma.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 24

Publicado em: 19/02/2012

Os Judeus Fazem suas Acusações contra Paulo. Tértulo fez um discurso eloquente, tentando ganhar o favor de Félix contra Paulo. Ele falou da administração excelente e benevolente de Félix. De acordo com a História, Félix não era um bom governador, mas um homem cruel que aproveitou sua posição para maltratar outras pessoas. O elogio insincero dado por Tértulo ilustra que os judeus que acusaram Paulo não se preocupavam com a verdade. Paulo, por sua vez, comentou somente sobre o fato que Félix tinha julgado a nação durante muitos anos, e não falou da qualidade da sua administração.

Tértulo acusou Paulo de promover conflitos entre os judeus no mundo inteiro e que tentou profanar o templo.

Paulo faz sua defesa com tranquilidade, pois fala a verdade: “ Eis porque também eu procuro manter em tudo uma consciência irrepreensível diante de Deus e dos homens”(16).

Devemos também nós buscarmos sempre a Verdade, mesmo que ela venha acompanhada de sofrimento, lembrando sempre que ser verdadeiro não é ser grosseiro, observemos como sutil foi Paulo em sua verdade.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 23

Publicado em: 18/02/2012

Neste capítulo do livro dos Atos dos Apóstolos Paulo está diante do sinédrio (governadores e reis). Podemos ver a conspiração dos judeus para tirar-lhe a vida. Paulo de perseguidor dos cristãos passou a ser perseguido por causa da palavra de Deus. Alguns fariseus pretendiam usar seu testemunho como argumento para discutir e não para crer.

Na noite seguinte, apareceu-lhe o Senhor e disse: “Coragem! Deste testemunho de mim em Jerusalém, assim importa também que o dês em Roma (versículo 11), a palavra de ordem dá certeza e força a Paulo, Deus está com ele e isso o encoraja e o faz seguir adiante.

Na nossa caminhada com o Senhor muitas vezes vamos ser perseguidos e incompreendidos, mas devemos sempre nos lembrar da palavra de Deus a Paulo: “Coragem...”

Ele está conosco, Ele nos guia, Ele nos protege dos inimigos, nos livra das ciladas que muitas vezes são armadas contra nós, Paulo é o grande exemplo de que a fé em Jesus Cristo e a vontade de proclamar a sua palavra deve ser maior em nós do que o medo que cala a nossa voz.

O tempo é curto, não dá pra esperar... Não temas... Deus nos chamou, nos capacitou e está ao nosso lado! Vamos celebrar a vitória de Deus em nossas vidas!!

Este nos parece um ensinamento de suma importância – para realizar sua missão, Paulo afasta-se para rezar, refletir, preparar-se... deve ter ficado em profunda
meditação (afinal não é fácil perceber desmontada toda sua crença apoiada na Lei e reconhecer que Jesus é a verdade!) mas é fruto dessa interiorização e de sua entrega total que, posteriormente, Paulo vai declarar-se apóstolo e afirmar: Recebi o Evangelho do próprio Jesus e não de fontes humanas.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 22

Publicado em: 17/02/2012

Paulo apresenta sua defesa às famílias judaicas de Jerusalém e aos membros do Conselho, expondo sobre sua origem judaica, seu zelo no cumprimento da Lei e sua dedicação na perseguição dos “adeptos do Caminho” (4), como publicamente eram chamados os seguidores de Jesus.

Depois da inteligente introdução - tática usada por Paulo para conquistar os ouvintes – ele testemunha seu encontro pessoal com Jesus, e afirma que, ao perguntar: “Quem és tu, Senhor?” (8) Jesus responde: “Eu sou Jesus, o Nazareno, a quem tu estás perseguindo” (8b), ora, mas Paulo não perseguia Jesus e sim seus seguidores !!!... (pensamentos e sentimentos de Paulo se confundem... e ele começa a perceber a presença concreta de Jesus, Aquele que se identifica com a comunidade...!!!), e Paulo confessa a seus ouvintes que se rende perante Ele: “Que devo fazer, Senhor?” ((10), conta sua cura milagrosa (já de nosso conhecimento no cap. 9 deste livro) e o que aconteceu posteriormente.

Cabe lembrar que no cap. 9 é relatado que após a conversão de Paulo ele “...passou alguns dias com os discípulos que havia em Damasco e logo começou a pregar nas sinagogas, afirmando que Jesus é o Filho de Deus” (At 9, 19b); entretanto, na Carta aos Gálatas escrita pelo próprio Paulo, está: “Quando, porém, Aquele que me separou desde o ventre materno e me chamou por sua graça, agradou revelar-me o seu Filho, para que eu o anunciasse aos pagãos, não consultei carne e sangue, nem subi a Jerusalém para ver os que eram apóstolos antes de mim. Pelo contrário, parti para a Arábia e, depois, voltei ainda a Damasco. Depois, três anos mais tarde...” (Gl 1, 15-18)

Este nos parece um ensinamento de suma importância – para realizar sua missão, Paulo afasta-se para rezar, refletir, preparar-se... deve ter ficado em profunda meditação (afinal não é fácil perceber desmontada toda sua crença apoiada na Lei e reconhecer que Jesus é a verdade!) mas é fruto dessa interiorização e de sua entrega total que, posteriormente, Paulo vai declarar-se apóstolo e afirmar: Recebi o Evangelho do próprio Jesus e não de fontes humanas.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 21

Publicado em: 16/02/2012

Depois de uma interessante viagem evangelizadora, Paulo decide ir a Jerusalém, o centro do judaísmo. Sabe que vai sofrer por causa de seu ministério. O profeta Ágabo também prediz que vai sofrer nas mãos dos pagãos. Mas Paulo tem a nobreza de um evangelizador que sabe transcender sua história e missão.

Já em Jerusalém, os cristãos se sentem, de certa forma, ameaçados por sua presença, porque sobre ele pesam acusações que contrariam as tradições Judaicas, principalmente a circuncisão, (a alma do judaismo). Aconselham Paulo a ir ao templo para acompanhar quatro homens que devem cumprir um voto, fazendo com eles os ritos da purificação e pagando por eles para que tenham a  cabeça raspada. Desta forma Paulo dissiparia as dúvidas dos judaizantes. Paulo acolhe este conselho (contradizendo toda a  sua pregação sobre a lei e o templo) e mesmo assim, a lei não o salva da multidão. Esta o reconhece, o arrasta para fora do templo e tem a intenção de matá-lo.

Graças a intervenção do tribuno romano sua vida é poupada e Paulo tem permissão para defender-se em um discurso que vai se resumir em duas idéias: justificar que seu ministério não é iniciativa sua e apresentar o evangelho. Mas isso veremos amanhã...

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 20

Publicado em: 15/02/2012

 

Neste capítulo de Lucas, Paulo nos exorta a servir ao Senhor com humildade mesmo em meio às provações e vicissitudes. Nos conclama a jamais deixar de anunciar e ensinar, a buscar a conversão daqueles que ainda não tiveram a alegria de ser repletos do Espírito Santo.
 
O Senhor nos ordena: “cuidai de vós mesmos e de todo o rebanho sobre o qual o Espírito Santo vos estabeleceu como guardiães, como pastores da Igreja de Deus que ele adquiriu com o seu sangue.” (28)
 
E então nos perguntamos, como cuidar de nós mesmos e do rebanho do Senhor? Qual o nosso papel diante de tantos desafios que se descortinam a nossa frente? Como vencermos o medo, a paralisia e a empáfia e nos entregarmos a obra de Deus desarmados?
 
A Palavra nos responde:...entrego-vos a Deus e a sua Palavra misericordiosa, que tem poder para edificar e dar a herança a todos os que foram santificados. Não cobicei prata, ouro ou vestes de ninguém. Em tudo vos mostrei que se deve ajudar aos fracos, recordando as palavras do Senhor Jesus que disse: "há mais felicidade em dar do que em receber." (32.33.35b)
 
Que o Pai nos conceda a graça de buscar na sua Palavra o sustento para nossa caminhada. A doar, não somente recursos financeiros, mas a dar mais abraços, mais sorrisos, incentivos, tempo ao Senhor e mais amor, muito amor. Que o amor seja a única arma que coloquemos a frente da nossa obra e da nossa vida. Assim seja!

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 19

Publicado em: 14/02/2012

Neste capítulo percebemos que a preocupação de Lucas são os desvios religiosos que ameaçam os cristãos.

Narrando o episódio dos “discípulos” que só haviam recebido o batismo de João, deixa claro um ponto fundamental: a maturidade da fé cristã só se realiza por meio da ação do Espírito Santo que acontece pelo batismo em nome de Jesus. Este batismo é que verdadeiramente transforma e compromete o batizado com o Reino de Deus.

Vemos assim o papel fundamental do Espírito Santo na vida da Igreja. O texto também revela que a força salvífica vem do Evangelho que liberta, desmascarando a magia alienante e exploradora da credulidade dos homens. O que provoca a verdadeira libertação é a fé e não atos mágicos.

Lucas vai nos contar dois episódios que julga característicos: o culto coletivo da grande deusa Diana, em contraste com o Caminho, um dos nomes do cristianismo.

Fazia parte da crença popular que a estátua da deusa tinha descido do céu. Paulo denuncia os interesses econômicos vindos desta ideologia, tumultuando a minoria privilegiada com sua pregação que incentivava as comunidades cristãs a viverem a partilha e socialização dos bens.

O Espírito Santo foi, é e será sempre quem nos proporciona uma fé, não gerada em ideias e conceitos próprios, mas no Caminho que se faz seguindo a única Verdade que é Jesus.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 18

Publicado em: 13/02/2012

Paulo cuja formação era judaica, renuncia ao judaísmo, pois está cada vez mais convicto que Jesus é o messias esperado pelos Judeus.

Na ânsia de mostrar a Boa Nova aos seus irmãos, Paulo tenta a todo custo que eles tenham um encontro com Jesus (v.4), mas como não lhes deram crédito, Paulo investido do Espírito de Deus, não vacila e assume uma outra missão: evangelizar os pagãos (v. 6)

A certeza de Paulo a respeito de Jesus é tão grande que ele não vacila, seu testemunho como judeu antes da sua conversão era muito forte ao ponto de chegar a perseguir e ser conivente com as mortes dos cristãos, agora essa mesma convicção de caráter e compromisso com Jesus se torna a grande missão assumida e vivida por ele.

Este testemunho serve para nós, quantas horas, dias, semanas, temos “perdido” com as coisas que o mundo nos oferece: futebol, novela, moda, prazeres mundanos, mas como é difícil vivermos a grande missão que Jesus nos deu; “Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda a criatura”.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 17

Publicado em: 12/02/2012

Em Tessalônica, capital da Macedônia, Paulo decide anunciar a Boa-Nova diante da comunidade judaica, comparecendo por três dias para participar da discussão sobre as Escrituras, que lá era realizada. Paulo se empenha em mostrar aos judeus a ressurreição do Messias, que era Jesus.

A pregação de Paulo, no entanto, provoca a inveja e agressão de outros judeus, iniciando uma perseguição por aqueles que anunciam Jesus. Essa perseguição se estende até Beréia, outra cidade escolhida por o anúncio do Cristo ressuscitado, como também a aqueles que deram hospedagem aos discípulos.

Em Atenas, ao tomar contato com um politeísmo descomedido e uma cidade entregue a idolatria, Paulo é levado ao Areópago - um conselho de membros da aristocracia ateniense -, para que pudesse esclarecer a nova doutrina que pregava. E, inspirado pelo Espírito Santo, Paulo revela aos atenienses a Boa-Nova, a Verdade, o caminho para a salvação.

Paulo mostra para o povo de Atenas o Deus, que para eles era desconhecido e procurado: o Deus que cria o universo; que dá, mas, não precisa que lhe dêem coisas em troca, e, principalmente, que Deus está ao alcance de todos.

Pelas palavras de Paulo, todos os homens são chamados a romper com o passado e convidados a conhecer o único Deus. Pela pregação, os atenienses saem da ignorância, e agora, são levados a reconhecer suas maldades, arrependerem-se e corrigi-las.

Nota-se que em todos os anúncios que Paulo realiza neste capítulo, alguns caçoavam, outros perseguiam os seguidores de Jesus, muitos tinham suas curiosidades aguçadas, e muitos outros se convertiam.

E você hoje, como recebe em seu coração e em sua vida o discurso de Paulo no Areópago?

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 16

Publicado em: 11/02/2012

Paulo e Silas tiveram suas vestes rasgadas e foram açoitados com varas, depois de muito machucados, colocaram os dois na prisão, pois foram acusados por patrões de uma jovem escrava, que se sentiram prejudicados, por uma cura feita a ela. Foi liberta de um espírito de adivinhação. Esses senhores disseram que os dois estavam agindo de forma errada na cidade, que eram judeus e pregavam costumes que romanos não seguiam.

Porém, qual foi a reação dos dois? Reclamações? Dúvida sobre a presença de Deus na vida deles? Brigas com Deus por ter enviado os dois a Macedônia?

Não! Admiravelmente não agiram dessa forma, mas sim como pessoas de fé! Na prisão, machucados e condenados por algo que não estava certo, Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus (versículo 25). Um terremoto aconteceu e todas as portas se abriram e todos se soltaram! Paulo, percebendo que o carcereiro achou que todos tinham fugido e que ia se matar, avisou que estavam todos ali.

Esse carcereiro foi batizado, junto com sua família. “Crê no Senhor Jesus, e serás salvo, como também todos os de tua casa.” (versículo 31) Este é o convite para nos hoje! Creia e será salvo, como todos os seus! No momento da tristeza, da raiva, do rancor, do desapontamento e tantos outros sentimentos ruins que os fatos de nossa vida podem gerar em nós, que ajamos como Paulo e Silas, orando e louvando ao Senhor Deus!

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 15

Publicado em: 10/02/2012

Neste capítulo, podemos confirmar a presença do Espírito Santo conduzindo a Igreja desde as suas origens.

O concílio de Jerusalém, primeiro concílio da Igreja, nos mostra como o Espírito Santo manteve a unidade das primeiras comunidades.

Vemos como a Igreja, desde o início, pautou por resolver suas dúvidas e dificuldades com os discípulos juntos e mediante a inspiração divina, conforme nos mostra o  versículo 6: Então, os apóstolos e os anciãos reuniram-se para tratar desse assunto.

Também podemos observar a primazia de Pedro sobre os outros discípulos, onde, ao final de sua fala, praticamente está definida a questão doutrinal a respeito das tradições e costumes judaicos na Igreja nascente (vers. 7 a 11).

Atualmente, com a quase imposição de certas ideologias e pensamentos, aceitar e posicionar-se favoravelmente a respeito de orientações da Igreja provoca ira e perseguições. Felizmente, a Palavra nos concede a certeza de que, o que a Igreja orienta, é vontade de Deus: Pois decidimos, o Espírito Santo e nós, não vos impor nenhum fardo, além destas coisas indispensáveis (vers. 28).

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 14

Publicado em: 09/02/2012


Esse capítulo relata a passagem de Paulo e Barnabé pela cidade de Icônio, um centro agrícola da região, que prosperava e gozava de uma posição privilegiada perante Roma naquela época.

É nesse cenário que Paulo é conduzido pelo Espírito Santo para pregar a palavra de Deus com desassombro. Aliás, essa pode ser uma das tônicas deste capítulo: a fé de quem prega, a fé de quem escuta e a falta de fé de muitos.

Ao proclamar ousadamente, Paulo permite que a força da palavra de Deus incomode tanto, a ponto de ser apedrejado. E ser apedrejado por causa da fé em Deus é uma alegria para um apóstolo. Assim como para Paulo, enfrentar uma dificuldade é a oportunidade que nós cristãos temos de provar a nossa fé, com paciência, esperança e alegria.

Em outro versículo Paulo observa que um homem tinha fé suficiente para ser curado. Essa fé é fundamental para que a graça e o milagre aconteçam. Mas essas coisas têm um único propósito de ser: que aqueles que as provam, que as enxergam e que as escutam, sejam convertidos para o Deus vivo. Dessa maneira irmãos, a fé é um dos caminhos para a conversão.

E por fim a falta de fé daqueles que, ao invés de dar graças ao Senhor, oferecem sacrifícios e agradecimentos a outros deuses, pois muitos só crêem no Senhor que oferece algo, que opera no material. Que fé é essa? Ou será a falta dela?

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 13

Publicado em: 08/02/2012

“Pois bem, irmãos, ficai sabendo: por meio dele vos é anunciado o perdão dos pecados. De tudo em que vós não pudestes ser justificados pela Lei de Moisés, todo aquele que crê é justificado em Cristo”.  (38-39)

A pregação de Paulo e Barnabé, narrando desde Abraão, o rei Saul e Davi, passando pelos juízes e profetas, até chegar o tempo de João Batista que preparou os caminhos do Senhor, mostra-nos a fidelidade da Palavra, tudo o que havia de acontecer e por tudoo que o povo de Deus haveria de passar até a chegada de Jesus.

Tudo isso, a percepção da realidade da história e seus acontecimentos, o testemunho de Paulo e Barnabé, não foram suficientes para a conversão do povo judeu que procuravam armar ciladas e proferiam blasfêmias contra os apóstolos. Diante disto Paulo decide levar a Palavra aos não judeus. Estes não só se alegraram, como glorificavam a Palavra do Senhor.

Não sejamos incrédulos diante da Palavra. Ela tem o poder de nos comunicar a verdade, gera em nós a fé no Cristo que justifica (perdoa) nossos pecados. Em Jesus uma nova Lei, que exige uma nova postura: não mais pela Lei, mas de agora em diante o amor, primeiramente a Deus e aos irmãos como a nós mesmos.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 12

Publicado em: 07/02/2012

Herodes usando poderes dados pelos humanos, persegue, prende e mata os seguidores de Jesus. A prisão foi reservada a Pedro, enquanto aguardava pelo seu martírio.Consciente da força do movimento Cristão que se alastrava, Herodes reforça a vigilância do preso, para se sentir seguro caso houvesse uma rebelião dos Cristãos para libertar um dos seus.

As armas usadas pelos Cristãos, no entanto, não seriam as usadas normalmente por simples rebeldes, eles usariam da união e da oração. A Igreja reunida orava para alcançar a graça da intervenção de Deus sobre este ato tão injusto.

A luz de Deus se manifesta naquela cela na presença do anjo mensageiro, encarregado de acompanhar Pedro no momento de sua libertação. As pressas Pedro se prepara para receber a graça pedida por seus irmãos. Reveste-se com a capa o cinto e calça as sandálias seguindo a vontade de Deus para se tornar livre.

Aos de pouca fé só cabe a confusão, e o não entendimento. Herodes agora é sabedor da força de Jesus que vem dos céus, para que a mensagem do Pai não fique presa, ela seguira por todos os cantos do mundo pelos pés revestidos de sandálias de seus missionários.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 11

Publicado em: 06/02/2012

Capítulo 11 do livro dos Atos dos Apóstolos traz a explicação detalhada de Pedro a respeito da pregação do evangelho para os gentios (não judeus).

Pedro começa dizendo que recebeu uma visão, onde via um grande lençol que descia do céu, onde estavam sobre ele vários animais de todas as espécies da terra, inclusive encontravam-se ali animais que eram considerados impuros para os judeus. Revelação importante, pois mostra que a salvação veio para todos, puros (judeus) e impuros (gentios). “Não chames tu de impuro aquilo que Deus purificou” (9).

Após esta revelação, ordenado pelo Espírito Santo, Pedro foi juntamente com três homens, e foi orientado a não duvidar de nada do que tinha acontecido.

Assim Pedro começou a evangelizar e todos ali receberam o Espírito Santo como aconteceu em Pentecostes. Assim todos, judeus e gentios foram convertidos.

Este fato é de grande relevância na história da Igreja, uma vez que até então, o evangelho era pregado somente para os judeus, que ficaram indignados com a conduta do Apóstolo. A partir desta situação, desencadeou-se posteriormente no primeiro Concilio da Igreja que foi o de Jerusalém, onde debateram profundamente este tema.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 10

Publicado em: 05/02/2012

Neste capítulo observamos um fato interessante, a visão de Pedro que se encontra nos versículos 9 até o 16.

Pedro era judeu e, de acordo com a lei deles, um judeu não devia misturar-se com alguém de outra raça para não se contaminar. Com esta visão, Deus mostrou a Pedro que a nenhum homem deve-se considerar comum ou imundo. Podemos ver claramente que “o lençol com animais imundos representava Cornélio e os gentios”; Quando Deus disse para Pedro “matar e comer” e “não considerar imundo o que Deus purificou”, estava dizendo que não era para considerar “os gentios” - e Cornélio - como imundos e indignos de receber o evangelho. Deus não faz acepção de pessoas. O fato de Pedro dizer: “jamais comi coisa alguma comum e imunda” demonstra que ele nunca comeu carne imunda, seguindo assim a orientação da Bíblia.

Muitas vezes também nós, caímos na tentação de nos acharmos melhores e mais santos que os outros porque estamos na Igreja. Que Deus nos dê sempre a humildade e o discernimento para considerarmos o próximo mais que a nós mesmos.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 9

Publicado em: 04/02/2012

Amados, neste capítulo vemos a conversão de Saulo: antes devastador cruel dos fiéis e da Igreja, depois Apóstolo de Cristo por desígnio de Deus, que tornou-se São Paulo Apóstolo. E as curas que São Pedro realiza pelo Poder de Jesus em Lida e Jope.

“Quem és tu, Senhor?”... O encontro de Jesus com Saulo o “derruba do cavalo”, o deixa cego e em jejum por 3 dias. Até Ananias lhe impor as mãos, orando por ele e batizando-o. É a passagem da morte pra vida, das trevas pra Luz, do perseguidor de Cristo para o Servo Evangelizador de Cristo. De Saulo, para Paulo. Como Jesus, morreu e no terceiro dia ressuscitou. O homem velho Saulo morre e o homem novo Paulo nasce!!

Nova criatura em Cristo. Todo encontro profundo com Jesus em nosso coração nos leva a uma conversão e mudança de vida. Jesus nos chama para sermos seus servos.

Os discípulos de Cristo realizaram muitas obras através do Poder de Jesus e do Espírito Santo, Pedro curou doentes e trouxe Tabita de volta a vida.

Também hoje Jesus nos chama e nos convida a sermos seus seguidores, anunciadores do seu reino, pregadores da sua palavra para que muitos que ainda não crêem possam se converter e o seguir.

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 8

Publicado em: 03/02/2012

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:


Leitura do dia:
Atos dos Apóstolos, Capítulo 6

Publicado em: 01/02/2012

Neste capítulo vemos o aparecimento de um novo grupo na comunidade de Jerusalém: os helenistas (judeus que viviam fora da Palestina, adotaram a cultura grega e possuíam sinago-gas particulares em que a Bíblia era lida em grego). Alguns deles se convertiam ao cristianis-mo, o que provocava tensões na comunidade. Os hebreus eram os judeus que falavam ara-maico, mais liam a Bíblia em hebraico nas sinagogas.

As viúvas eram um grupo de mulheres desvalidas, e o texto dá a entender que as viúvas hele-nistas tinham um tratamento pior (discriminadas pela língua e origem). Para tanto, os doze convocam uma assembléia e formam um novo comitê encarregado do serviço (em grego - diakonia). O cuidado com a Palavra de Deus e o Alimento era chamado de “serviço”.

A Assembléia elege sete deles, cuja função se assemelha à dos Doze, uma vez que operam milagres, anunciam a Palavra e balizam. As qualidades exigidas eram espírito e prudência. Dentre eles se destaca Estevão, um homem cheio da graça de Deusa, ativo na sua evangeli-zação e incisivo na sua denúncia. Assim como Jesus, falsas testemunhas o acusam de ter dito que destruiria o Templo e lhe pesa também a acusação relativa às prescrições de Moisés.

Hoje, somos convidados, da mesma forma que Estevão, a sermos repletos da graça do Senhor e testemunharmos que Jesus venceu a morte e seu Reino precisa ser instaurado AGORA, através da mudança de nosso comportamento e da reavaliação  de nossos hábitos.

Oremos para que se cumpra a promessa: “E a palavra de Deus crescia. O número dos discípu-los multiplicava-se enormemente, e considerável número de sacerdotes obedecia à fé”. Amém!

Partilhe conosco sua experiência com a leitura deste capítulo escrevendo um comentário logo abaixo.

Fonte: Comissão do BíbliaDiária.com.br


Texto bíblico:
Texto Bíblico Áudio do Texto Bíblico
Comentários:

Antes de conferir a reflexão, faça a leitura do texto bíblico 

Área pessoal




Esqueceu sua senha? Recupere aqui.
Ainda não tem Cadastro? Cadastre-se aqui.





Leituras

Livro - A Bíblia no meu dia-a-dia

Cronograma

Cronogramas


Escolha um livro




Arquivo

 

Total de visualizações de página:

5.284.423


Desenvolvido e Hospedado por Cedilha Comunicação Digital Realização Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora Paróquia Sant'Ana